Trabalhadores da pesca que foram prejudicados com o vazamento de óleo na Praia do Caíque de Baixo, em São Francisco do Conde, no Recôncavo, serão indenizados. O caso, que já dura 10 anos, ocorreu após vazamento em um dos dutos que ligam as instalações da Refinaria Landulpho Alves ao Terminal de Madre de Deus (lembre aqui e aqui).

 

Nesta terça-feira (14), a Defensoria Pública da Bahia faz um mutirão em Santo Amaro para entregar as permissões aos pescadores. Nesta segunda-feira (13), o trabalho de entrega ocorreu em São Francisco do Conde. Além de pessoas das duas cidades. pescadores de Madre de Deus e Candeias vão ser indenizados.

 

Um acordo entre a Federação de Pescadores e Aquicultores do Estado da Bahia [Fepesba] e a Petrobras estabeleceu os valores pagos a 6.644 pescadores. Do total, 1.598 pescadores vão receber R$ 18.981,31, cada um, e 5.046 vão resgatar R$ 3.247,15, cada um também

 

Conforme a 3ª Vara Civel da Comarca de Salvador, que homologou a convenção, o pagamento será feito “mediante alvará expedido de foram individualizada a cada pescador beneficiário”. 

divulgue

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here